Embaixador quer novas frentes de intercâmbio com Palestina

O embaixador Alessandro Candeas assumiu a chefia do Escritório de Representação do Brasil em Ramallah em dezembro do ano passado. Candeas tem um planejamento de relação bilateral que vai além da ajuda humanitária e envolve a possibilidade de ampliar negócios.

“As trocas comerciais são muito modestas”, disse Candeas à ANBA. Dados da Câmara Árabe apontam que no ano passado a corrente comercial entre Palestina e Brasil foi de US$ 27,5 milhões, dos quais US$ 26,7 milhões em exportações brasileiras e apenas US$ 780 mil em vendas da Palestina. Os brasileiros enviaram aos palestinos principalmente carnes e os embarques palestinos ao Brasil foram principalmente de frutas.

Para ler a notícia completa clique aqui

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *