“Halal Coin” é uma questão de tempo, diz especialista

A aceitação da cripto pela Sharia é uma questão de tempo e de conscientização, declarou uma especialista em finanças islâmicas da Malásia.

Suhaida Mahpot, CEO da grande empresa de consultoria Sharia Amanie Advisors, sugeriu que o ceticismo existente em relação à cripto nos países islâmicos não é uma rejeição pura, mas sim uma consequência da incerteza. “Precisamos educar as instituições mais sobre como as moedas digitais podem ser aceitas e como a transparência do uso da criptomoeda beneficiaria a sociedade em geral”.

Para ler a notícia completa clique aqui

 

 

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *