Malásia vai operar ‘cozinha central’ Halal nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020

A Malásia pretende estabelecer uma cozinha Halal central para fabricar e distribuir alimentos para atletas e visitantes nas Olimpíadas de Tóquio de 2020.

O diretor do Secretariado do Conselho Halal da Malásia (JAKIM), Sirajuddin Suhaimee, disse que a instalação apoiaria restaurantes em toda a cidade de Tóquio, além de restaurantes para competidores muçulmanos. A necessidade surgiu porque a cidade tem poucos pontos de venda certificados para atender a demanda.

A JAKIM promoverá restaurantes “amigos dos muçulmanos” como forma de fornecer alimentos Halal, evitando interromper seus negócios regulares. A ideia, por exemplo, é que um restaurante amigo dos muçulmanos continue servindo bebidas alcoólicas enquanto fornece comida Halal. A cozinha central fornecerá refeições embaladas que podem ser aquecidas em um forno de micro-ondas no restaurante, o que facilitará a operação e incentivará o estabelecimento a aderir à campanha. “Não é fácil para um restaurante ser totalmente Halal no Japão. Sabemos que os japoneses gostam de beber saquê com sua comida. Portanto, teremos restaurantes amigáveis ​​aos muçulmanos”, disse o diretor.

Para ler a notícia completa clique aqui

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *