Marrocos terá adido agrícola brasileiro

O Brasil terá um adido agrícola em Rabat, no Marrocos, a partir do final deste mês. Será o engenheiro agrônomo Nilson César Castanheira Guimarães, que, além de atuar neste país, também atuará junto à Tunísia e Nigéria. Os adidos agrícolas trabalham nas embaixadas brasileiras com a função de estreitar as relações do setor agropecuário nacional com as regiões onde atuam, uma espécie de assessoria agrícola para o Brasil.

Segundo Guimarães, “há um potencial de intensificação do fluxo comercial com o Marrocos. Temos relações diplomáticas especialmente saudáveis, mas o tamanho do fluxo, apesar de ser razoável, é bem aquém do potencial, tanto para importar quanto para exportar”.

Além da possibilidade de fazer um bom trabalho na área de comércio de produtos, Guimarães também citou o potencial que há de intercâmbio de informações e de cooperação agrícola em assuntos técnicos e tecnologia.

Para ler a notícia completa, acesse!

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *