Mercado de chocolates egípcio reaquece

Após dois anos de queda, o mercado de chocolates no Egito espera uma boa recuperação em suas vendas apostando nas exportações. Isso se deve à injeção de novos investimentos na indústria, liderada por duas principais marcas, que detêm 72% das vendas, a Cadbury e a Marte.

O mercado interno egípcio está desaquecido para o chocolate. Isso porque o governo implantou reformas como a aplicação do imposto sobre o valor adicionado (IVA) e a liberalização do valor da libra, que deixaram seus impactos sobre os consumidores desta commodity. Além disso, os altos custos de produção, causados principalmente pela energia elétrica cara no país, tornaram o produto pouco acessível para o consumidor. A saída da indústria foi a de apostar no mercado externo, ainda que a concorrência seja grande. A estimativa é que as vendas aumentem em 10% neste ano.

Para ler a notícia completa, acesse: https://www.salaamgateway.com/en/story/egypts_chocolate_market_regains_its_taste_and_looks_forward_to_growth-SALAAM09032018040358/

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *