Turismo Halal: O Azerbaijão está cada vez mais adepto ao costume

Você já ouviu falar sobre o “turismo Halal”? “Halal” é uma noção tipicamente usada para alimentação, mas ele não para por aí. Hoje, o mercado de viagens muçulmanas é um dos segmentos de crescimento mais rápido na indústria global de viagens, se considerar que os muçulmanos representam quase um quarto da população mundial. No ano passado, os viajantes muçulmanos gastaram cerca de US $ 155 bilhões, o que representa cerca de 13% das despesas globais de viagem, de acordo com os dados do Global Muslim Travel Index (GMTI). A Malásia é considerada a escolha número um para o turismo halal. Outros destinos turísticos populares para muçulmanos incluem o Emirados Árabes Unidos, Indonésia, Turquia, Arábia Saudita e Catar. Mas onde fica o Azerbaijão, com 10 milhões de população predominantemente muçulmana, nesta lista? No inquérito de 2016 da GMTI abrangendo 130 destinos turísticos, o Azerbaijão, ficou em 20º lugar na Organização de Cooperação Islâmica (OIC). O incomparável patrimônio histórico e cultural do país, bem como a experiência na hospitalidade halal, permitiram que o Azerbaijão entrasse na lista dos principais destinos de férias muçulmanas. No Azerbaijão, onde a modernidade e o intelecto conhecem o Islam e as culturas modernas, os visitantes muçulmanos podem ter uma experiência inesquecível. Se considerar as estatísticas de janeiro a julho de 2017, os turistas árabes ocupam a primeira posição entre os turistas que visitam o Azerbaijão.

Leia a matéria completa!

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *