Árabes podem distribuir alimentos brasileiros, diz ex-ministro

Semana passada, o ex-ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Roberto Rodrigues, em palestra na Câmara de Comércio Árabe Brasileira, em São Paulo, afirmou que as nações do Oriente Médio e Norte da África podem ter um papel mais amplo no comércio de alimentos com o Brasil, além da compra para o consumo interno de suas populações. “Vejo um papel não só de consumo, mas de distribuição dos produtos brasileiros pelos países árabes, inclusive para o Leste Europeu”, afirmou.

Ele lembrou ainda que o mercado árabe de alimentos para os produtos nacionais é muito importante e tende a crescer. “Temos um potencial muito importante de crescimento, inclusive para os produtos halal. No ano passado, houve um aumento de 12% na certificação de produtos halal [no Brasil]”, apontou Rodrigues, que também é professor da FGV.

Em 2016, os maiores compradores árabes do agronegócio brasileiro foram a Arábia Saudita (24%), Egito (16%), Emirados Árabes Unidos (16%), Argélia (11%), Iraque (5%) e Marrocos (5%).

Para ler a notícia completa, Clique Aqui!

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *