Pequenos produtores e varejistas canadenses estudam o mercado Halal e ampliam seus lucros

Agricultores canadenses passaram a produzir mais e melhor após estudarem o que realmente significa o Halal e suas crenças. Não apenas eles, como também varejistas de pequeno porte estão lucrando com o comércio de produtos Halal variado provenientes de todo o mundo aos consumidores muçulmanos que vivem no País.

De acordo com a Pesquisa Nacional de Agregados 2011, há mais de um milhão de muçulmanos canadenses, acima dos cerca de 580.000 muçulmanos em 2001, tornando-a a religião de crescimento mais rápido no Canadá. Para os produtores, processadores e comerciantes, os consumidores Halal representam um crescente e, em grande parte, inexplorado público.

Apesar de uma maior disponibilidade de alimentos Halal no Canadá, uma pesquisa de 2014 descobriu que 70% das famílias muçulmanas achavam que as empresas de alimentos não estavam atendendo suas necessidades, enquanto 61% das entrevistadas acreditavam que as grandes cadeias de supermercados não correspondiam às expectativas. A partir dessa constatação, varejistas de Toronto, Vancouver e Montreal, por exemplo, foram incentivados por uma incubadora de negócios local a conhecer o Halal e, de lá para cá, pequenos mercados surgiram e passaram a atender melhor esses consumidores. Foi bom para todo mundo.

Leia a matéria completa!

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *